Barrinha

Top Secret

Ok, a genética ajuda, mas sem trabalho duro nada se consegue, muito menos um corpinho de Top Model como Elle Macpherson, Miranda Kerr, Heidi Klum e Gisele Bündchen. Portanto, vamos deixar a genética de lado e aprender algumas dicas e truques delas para ficar em forma!

Elle Macpherson

Não é à toa que esta mãe, modelo e empresária, aos 47 anos, ainda é chamada de "The Body". Ela faz, no mínimo, uma hora de atividade física, seja de bicicleta, corrida, natação ou yoga, diariamente. Para não perder o pique e o estímulo de malhar todos os dias, Elle sempre pergunta: "Eu vou me sentir melhor ou pior depois de me exercitar? Eu não consigo me lembrar de algum dia ter praticado um esporte e me sentir pior."

img posttopsecret1

Gisele Bündchen

A nossa Gisele Bündchen admite que, depois do baby, pratica yoga e kung fu pelo menos três vezes por semana para ficar em forma. "Eu pratiquei kung fu até duas semanas antes do Banjamin nascer e yoga, pelo menos três vezes por semana. Eu acho que um monte de gente engravida e decide que pode comer qualquer tipo de lixo e engordar. Eu estava ciente sobre o que eu comia. Eu acho que é a memória muscular."

Pessoalmente não gostei nada dessa declaração. Take it easy, Gisele!!

img posttopsecret2

Heidi Klum

A Top de 38 anos de idade e mão de quatro filhos, além de ser fã de corrida, malha três vezes por semana com o super personal trainer David Kirsch. Mas a atividade física não é a única coisa que ajuda Heidi a fica em forma. Ela acredita que é o famoso "soninho da beleza" que ajuda a manter a pele linda! "Eu durmo às 20h30 a maioria das noites."

Como ela consegue ir para a cama tão cedo sendo mão de quatro filhos é um mistério...

img posttopsecret3

Miranda Kerr

Gente, eu estou enganada ou a Miranda Kerr está ainda mais linda depois do baby Flynn? Segundo ela, o crédito é das aulas diárias de yoga. "Pratico yoga há mais de 10 anos. Esta é uma parte muito importante da minha vida. Não importa onde estou, o que estou fazendo, a yoga me da a oportunidade de desligar e me concentrar totalmente no meu corpo e em minha respiração. A yoga me permite meditar e refletir sobre o que é importante na minha vida. Também é ótimo para a agilidade."

img posttopsecret4

Última atualização em Sexta, 29 Junho 2012 12:43

Acessos: 33306

Obesidade por Diego Fernandes

img postobesidadeCrédito: dreamstime.com

Hoje em dia, está cada vez mais difícil manter uma vida saudável, aliando atividade física a uma boa alimentação, e ainda driblar o stress. A falta de tempo para comer e se divertir, resulta no acúmulo daquelas gordurinhas extras.

Caso você tenha engordado e não consiga voltar ao seu peso, não se sinta culpado! Há estudos relatando que as células adiposas brancas, predominantes em adultos, secretam algumas substâncias (adipocinas) que aumentam a vontade de comer.

O hormônio leptina é uma das adipocinas que a célula secreta, responsável pela saciedade. Então, quanto maior o número de células adiposas, maior a secreção de leptina no sangue.

Em contra partida, o cérebro cria uma resistência ao excesso deste hormônio, pois se ele aceitasse toda a leptina, você não comeria mais como uma maneira de defesa do organismo. Essa inibição aumenta a produção do hormônio grelina, responsável pela vontade de comer.

Uma maneira de controlar isso é melhorando a alimentação e a prática de atividade física regular. Perdendo esse excesso de gordura, evita-se altos níveis de leptina.

Última atualização em Sexta, 29 Junho 2012 12:30

Acessos: 44553

Soninho da beleza

Soninho da belezaCrédito: Shutterstock.com

Esta comprovado! Dormir de 7 a 9 horas por noite realmente pode melhorar sua aparência, portanto, nada mais justo que chamá-lo de "Sono da Beleza”.  Enquanto você está dormindo o corpo libera hormônios do crescimento. Isso ajuda na produção de colágeno, que dá força e tônus muscular. Além disso, enquanto você está sonhando longe, as células da pele se regeneram.

De acordo com a revista americana “Fitness”, é a partir de 5 horas de sono que a "temperatura da sua pele atinge seu ponto mais baixo e os músculos relaxam, o que dá à pele a sua mais profunda recuperação."

Sei que dormir entre 7 e 9 horas é uma realidade não tão simples para algumas de vocês, amigas ocupadíssimas! Então, lembrem-se disso no fim de semana, ao invés de irem de balada em balada, ok?

Além disso, não esqueça que é muito melhor dormir sobre uma almofada de cetim do que de algodão. O cetim não deixa você acordar com aquelas linhas no rosto e evita a quebra de cabelos durante a noite. Se não tiver, use um lenço de seda. 

Anotou?  Então, aperte o botão de soneca e sonhe um pouquinho mais.

Última atualização em Sexta, 29 Junho 2012 12:37

Acessos: 3722

Musculação e Diabetes por Diego Fernandes

Musculação e diabetesCrédito: dreamstime.com

O Diabetes ocorre quando existe uma produção inadequada de insulina pelo pâncreas, ou pela sensibilidade reduzida da célula em relação à insulina, ficando classificado em duas categorias: 

  • Diabetes tipo I – insulino-independente. Células secretoras de insulina do pâncreas são destruídas. 

 

  • Diabetes tipo II – Não insulino-dependente. A secreção de insulina é diminuída.

 

Como  o exercício físico (mais precisamente a musculação) pode contribuir para melhorar a vida dos portadores do Diabetes?

Dentro das células existem os transportadores de glicose ou GLUT. As fibras musculares contém GLUT 1 e GLUT 4. Com alta concentração sanguínea de glicose ou de insulina. Como ocorre após comer ou durante o exercício, as células musculares recebem glicose pelo transportador GLUT 4. A ação de GLUT 4 é estimulada pela contração muscular que permite a migração da proteína afim de promover a capacitação de glicose. O GLUT 4 se movimenta até a superfície da célula através de um mecanismo em separado que depende da insulina. Os músculos ativos podem captar glicose sem insulina (McARDLE, et al, 2003).

Muitos são os casos relatados de diabéticos e em artigos científicos, de que quando iniciaram um programa de musculação, diminuíram muito o uso de medicamentos.

Última atualização em Sexta, 29 Junho 2012 12:27

Acessos: 2699

Em Forma

Em forma

Com os avanços da medicina preparem-se para viver mais! Bom, não é? Mas você já pensou em como será a sua qualidade de vida quando a idade avançar? Não sei quanto a vocês, mas eu quero ser capaz de aproveitar os  frutos do meu trabalho com a minha família. E como toda filha única eu quero uma enorme!

 

Há quatro anos comecei a refletir melhor sobre esta questão e devorar livros do Dr. Nicolas Perricone e Terry Gossman, além de frequentar um excelente endocrinologista, o Dr. Filippo Pedrinola e a fazer exercícios acompanhada do personal trainer (ou personal carrasco?) Diego Fernandes.

 

Confesso que não foi sempre assim….No último ano da faculdade de Direito, pães de queijo e bolachas me acompanhavam pelas madrugadas de estudo, já que durante o dia eu trabalhava. Terminei meu TCC sete quilos mais gorda e com bochechas enormes (quem me conhece sabe e ri disso!!).

 

Também houveram extremos. As exigências da carreira de modelo por um corpo esguio (no meu caso o problema sempre foram as pernas grossas) principalmente o mercado europeu, me levaram a tomar diversos remédios para emagrecer (com acompanhamento médico). Emagreci sim, mas  fiquei anêmica,  meu cabelo ficou ralo e as olheiras profundas. Nunca mais submeterei meu corpo a estas medidas drásticas e me pergunto até quando o mercado da moda terá tais exigências.

 

O fato é que elas existem e poucas modelos em início de carreira podem ter um bom acompanhamento médico. Por isso, pessoalmente, acho que deveria ser um dever legal das agências oferecê-lo.

 

A cada dia fico mais consciente do meu corpo e espero, nesta coluna, te ajudar para que você também fique!

 

“Um corpo sexy vem de todas as formas e tamanhos. Estar saudável é o mais importante, ninguém quer ser gordo. Mas não fique maluca se você não for um tamanho PP.  Ninguém é, exceto por algumas meninas de 12 anos!“. Glynis Costin, Editora da revista InStyle norte-americana.

Última atualização em Sexta, 29 Junho 2012 12:02

Acessos: 26395